sexta-feira, 15 novembro 2019
Início / Manutenção / Manutenção corretiva

Manutenção corretiva

Quando se trata de manutenção corretiva em um condomínio, eu sempre digo, se você tiver um bom plano de manutenção preventiva, as manutenções corretivas serão minimizadas.

A manutenção corretiva é iniciada quando um problema adicional é descoberto seja através de um pequeno defeito no equipamento, durante uma manutenção preventiva ou até mesmo durante uma inspeção de rotina, quando um técnico identifica outro problema que precisa ser corrigido antes que ocorram outros problemas.

Ao descobrir um problema adicional, a manutenção corretiva é planejada ou executada imediatamente, onde o ativo é reparado, restaurado ou substituído.

Eu considero a manutenção corretiva como algo que é apanhado a tempo. Vou dar um exemplo, se você perceber que as bombas de recalque estão apresentando ruídos fora do normal, mesmo que ainda estão enchendo as caixas, você as alcançou a tempo. É hora de agir e programar uma boa revisão para evitar uma manutenção emergencial, e resultar em prevenção de falta de água, evitando moradores enfurecidos e clientes insatisfeitos.

Quando a manutenção corretiva é realizada “na hora certa”, o principal benefício é reduzir os chamados de manutenção de emergência, bem como aumentar a segurança dos funcionários.

A manutenção corretiva, aliada a boa manutenção preventiva, ajuda o condomínio a prolongar a vida útil de seus
equipamentos, reduzir o prejuízo com chamados técnicos fora de hora e otimizar o planejamento de recursos. As ordens de serviço de manutenção corretiva são geralmente menos dispendiosas de implementar do que as ordens de serviço de manutenção de emergência, e podem precisar ser concluídas durante as horas extras.

Uma dica para maximizar a eficiência da manutenção corretiva é fornecer treinamento e capacitação aos técnicos e funcionários, sobre os tipos de itens que devem se atentar enquanto estão prestando serviços de manutenção preventiva ou de emergência.

Além disso, crie uma lista de verificação de manutenção de componentes que os técnicos possam verificar visualmente rapidamente. É importante que sua equipe de manutenção capture o máximo de problemas possíveis. Isso gerará mais pedidos de manutenção corretiva e ajudará a manter suas instalações funcionando sem problemas.

Algumas estruturas podem precisar de um exame muito precoce de seus problemas de deterioração, enquanto outras podem se manter muito bem por muitos anos, dependendo da qualidade, do equipamento e finalidade do mesmo.

Para isso, a tecnologia pode ser uma grande aliada. Softwares e aplicativos podem ser utilizados com o objetivo de catalogar equipamentos, programar procedimentos de manutenção, desenvolver históricos e criar padrões de falhas. Assim, eles podem ajudar o síndico a ganhar mais confiança no bom funcionamento das máquinas, a tomar decisões baseadas em dados e a analisar os custos de cada tipo de manutenção.

Portanto, tanto a equipe de manutenção quanto as demais áreas têm muito a ganhar com a implementação de uma solução de planejamento e controle de manutenção. Vale lembrar que a manutenção corretiva deve ficar restrita a frequências mínimas.

As situações emergenciais sempre vão existir, mas elas podem ser reduzidas com uma gestão ativa de manutenção e um programa de monitoramento e prevenção de falhas. Quando isso é feito, o condomínio tem muito a ganhar em termos de redução de custos, confiabilidade e produtividade.

 

 

 

 

Fernando Cordeiro
Gestor Condominial.

Verifique isso

Manifestações patológicas e o dever do síndico

Quando me abordam querendo saber informações sobre Manifestações Patológicas a primeiro frase que geralmente ouço …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.