terça-feira, 17 julho 2018
Início / Vida em Condomínio / Garanta a segurança dos usuários e dos profissionais que cuidam do seu elevador

Garanta a segurança dos usuários e dos profissionais que cuidam do seu elevador

Seja qual for o ramo de atividade, estar de acordo com as normas regulamentadoras de qualidade e segurança é essencial para garantir o desempenho de produtos e serviços. E com os elevadores não é diferente, é fundamental adequá-los às normas ligadas à sua manutenção técnica e/ou modernização.

Hoje existem muitos elevadores em operação no Brasil, volta de 80% deles foram construídos e instalados em antigas normas que hoje foram canceladas e/ou substituídas.

A ABNT  de 18 de setembro de 2008, NBR 15.597 trouxe um avanço significativo com relação à segurança dos elevadores. Esta Norma, estabelece regras para melhorias da segurança dos elevadores de passageiros existentes, com o objetivo de atingir um nível equivalente de segurança a um elevador recentemente instalado a equipamentos mais antigos.

Confira se os elevadores do seu edifício estão de acordo com a NBR 15.597, consulte seu prestador de serviços.

Lembre-se que a manutenção correta, com atenção às condições de segurança dos elevadores é imprescindível em qualquer condomínio, pois ajuda a garantir maior eficiência do equipamento e a segurança dos usuários. Apesar de ser considerado o meio de transporte mais seguro do mundo, acidentes com elevadores podem ocorrer, portanto devem ser evitados.

Algumas atitudes e cuidados podem prevenir acidentes em elevadores, confira:

A manutenção deve ser mensal e feita por empresas credenciadas no CREA.

Verifique sempre se as normas de segurança estão devidamente cumpridas.

Providencie a colocação de placas de advertência no térreo e desligamento da chave geral para o elevador não andar enquanto sofre reparos.

Cuidado com degraus que podem se formar entre a cabina e o pavimento.

Não deixe que crianças e adolescentes brinquem, pulem e façam movimentos bruscos dentro do elevador.

Não puxe a porta de pavimento sem a presença da cabina no andar e olhe bem antes de entrar no elevador.

Não apresse e nem force o fechamento das portas do elevador.

Não bloqueie o fechamento das portas com objetos.

Observe o limite máximo de peso definido pelo fabricante.

Verifique se itens de segurança obrigatórios estão funcionando, como: interfone, luz de emergência e alarme.

Nunca use os elevadores em caso de incêndio.

Se o elevador parar entre dois andares, não entre em pânico e não force a porta. Toque o alarme e espere por ajuda.

Cuidado com as chaves de abertura emergencial dos elevadores, ela deve permanecer bem guardada e preferencialmente com o Síndico.

Quando o elevador pára, o resgate dos usuários deve ser feito pelos técnicos da empresa de manutenção ou pelo corpo de bombeiros.

Se a porta do elevador abrir quando estiver parado entre dois andares não tente sair pela abertura sem ter a certeza de que um técnico o estabilizou.

Em caso de acidente grave com o elevador, chame imediatamente a empresa conservadora e o corpo de bombeiros.

Verifique se itens de segurança obrigatórios estão funcionando, como: interfone, luz de emergência e alarme.

Não fume dentro do elevador.

2db802f8-4bb7-4b01-aef6-acea66ca25fa

Por

Moyses Cerqueira Dir. Comercial. Concept Elevadores

E Dauzo Fernandes Diretor da ADF Adm. De Condominios

Verifique isso

Sérgio Luiz dos Santos – Presidente do SECOVI – SC ENTREVISTA

Como presidente do Secovi/SC pela gestão 2014/2018, como o senhor avalia a explosão condominial vertical …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.