sábado, 25 maio 2019
Início / Produtos / Serviços / Empresa de Balneário Camboriú recebe prêmio nacional de inovação

Empresa de Balneário Camboriú recebe prêmio nacional de inovação

A VRP Premium é pioneira na criação da válvula redutora de pressão totalmente automática e com tecnologia 100% nacional.

A Inovação é a busca de novas alternativas para abrir novos caminhos. Pensando nisso o empresário Luiz Alberto Padilha teve a ideia de criar a empresa VRP Premium, uma empresa voltada para o segmento da hidráulica. Essa
ideia surgiu a partir de rompimentos nas tubulações do prédio no qual era síndico.

Com a visão no expressivo crescimento do número de condomínios, alguns verdadeiros clubes residenciais verticais e de alto padrão, o desafio era equilibrar a distribuição de água com pressão e vazão exigida pelas Normas da ABNT. Luiz procurou parcerias e incontáveis testes até chegar na excelência no desenvolvimento de um produto de alta tecnologia diferenciada no mercado: a única válvula redutora de pressão totalmente automática, com tecnologia 100% nacional e que pode ser instalada tanto na horizontal como na vertical.

Em 2015 a empresa com sede em Balneário Camboriú foi uma das 22 maiores empresas selecionadas no país a receber o Prêmio Nacional de Inovação, uma iniciativa da Mobilização Empresarial pela Inovação (MEI), realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas
(SEBRAE). Em 2018 a VRP Premium foi escolhida entre as 3 empresas mais inovadoras do Estado de Santa Catarina. A Inovação nos produtos da VRP Premium tem um alvo: Construtoras e Condomínios que procuram produtos de padrão elevado e com proposta de Inovação em tecnologia que oferecem o melhor para o cliente final.

Luiz Alberto Padilha e Ana Catarina Lunardelli Padilha, proprietários da VRP Premium

 

Foi criada então a única Válvula com princípio servomotor que funciona ao sabor da hidrodinâmica, Válvula silenciosa e que ajuda a eliminar o golpe de aríete. Em todo o Brasil, a VRP Premium já atende mais de 6 mil clientes e está dentro das maiores construtoras, isso porque todos os prédios acima de 12 andares necessitam ter a válvula redutora de pressão para reduzir as pressões nas tubulações.

Em edifícios altos, as válvulas redutoras têm a função de aliviar a pressão gerada pela gravidade da água que desce dos reservatórios superiores. Sem as redutoras, os andares inferiores poderiam ter suas tubulações rompidas devido ao excesso de pressão na rede. O excesso de pressão na vazão das torneiras/chuveiros das unidades pode ser um sinal de que as válvulas redutoras estejam desreguladas, com riscos à integridade das instalações e de um consumo maior de água. Além dos condomínios a válvula redutora de pressão da VRP Premium pode ser instalada em indústrias, navios, residências, usinas, hotéis e empresas.

Além da fabricação a VRP Premium também presta serviços de manutenção, que de acordo com a ABNT NBR 5626:1998, as manutenções sempre devem ser executadas periodicamente, deve ser realizada sempre após as lavações das caixas de água conforme a Lei Municipal Nº 4237, para garantir que o sistema trabalhe de forma correta.

Por isso os síndicos e zeladores devem estar atentos as manutenções periódicas, para que ocorra a verificação de possíveis emperramentos ou desgastes. É muito importante que o Condomínio faça os procedimentos de manutenções das Válvulas com o fabricante ou por franqueados da rede. E por falar em franqueado, esse é o grande projeto de expansão para os próximos 10 anos. A VRP Franquias nasce em 2019 com o propósito de colocar 100 franqueados em todo o território nacional, vendendo e realizando manutenção de forma exclusiva.

Um comentário

  1. Parabéns caro Luiz. Desejo a você e sua empresa muito sucesso, pois senti em você, SERIEDADE, HONESTIDADE, e com estas virtudes com certeza terá muito mais SUCESSO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.