sexta-feira, 15 dezembro 2017
Início / Qualidade de Vida / Saúde / A Importância da Avaliação Psicossocial para as NRs

A Importância da Avaliação Psicossocial para as NRs

Todo trabalhador de combustíveis e inflamáveis, espaço confinado e altura deve ser submetido à exames médicos e psicológicos.

As NRs, denominadas de Normas regulamentadoras, referem-se a um conjunto de requisitos e procedimentos relativos à segurança e aos riscos inerentes ao trabalho em diversas atividades de atuação, como por exemplo, espaços confinados (NR 33), trabalhos em altura (NR 35), eletricidade e alta tensão (NR 10), transportes de cargas inflamáveis (NR 20) dentre outros, como prevê o site do Ministério do Trabalho e Emprego.

Os riscos e as condições externas, as quais esses trabalhadores podem ser submetidos durante suas atividades, podem vir a prejudicar e até ocasionar danos a si mesmos e ao outros devido a estados mentais recorrentes.

De acordo com a Organização Internacional do Trabalho (OIT) os riscos psicossociais no trabalho possuem origem nos fatores psicológicos e sociais, mas podem se manifestar na saúde física e psicológica do trabalhador, como por exemplo, carga de trabalho excessiva; ritmo elevado; longas jornadas de trabalho; comunicação deficiente; conflitos nas relações interpessoais, assédio moral no trabalho; problemas nas relações familiares; ausência de vida social devido a longas jornadas de trabalho; dentre muitos outros.

Considerando essa peculiaridade, as NRs juntamente com o Ministério do Trabalho e Emprego, destacaram a necessidade de se avaliar esses riscos psicossociais para a emissão do Atestado de Saúde Ocupacional (ASO), submetendo seus trabalhadores à avaliação psicossocial, antes realizada apenas pelo médico do trabalho.

A avaliação Psicossocial é uma função privativa do Psicólogo, tal como se encontra definida na Lei de 27/08/62 (letra “a”, do parágrafo 1° do artigo 13). E tem como finalidade identificar os fatores de riscos psicossociais relacionados ao trabalho, buscando identificar o perfil psicológico do trabalhador para determinadas atividades laborais, que podem ocasionar em adoecimento e acidentes de trabalho (Brasil, 2012°; Brasil 2012c).

Carolina Voltolini Psicóloga | CRP-12/11497
Carolina Voltolini
Psicóloga | CRP-12/11497

Além de ser feita no momento da contratação, esta avaliação, também deve ser feita periodicamente, pois o indivíduo poderá apresentar algum distúrbio psíquico, o que, evidentemente, irá comprometer sua atividade durante o período que estiver no ambiente de trabalho.

A Avaliação Psicossocial, associada à avaliação médica, possibilita as empresas a adotar medidas preventivas em relação à Saúde Mental dos trabalhadores, auxiliando na diminuição dos riscos de acidentes de trabalho, na redução dos índices de absenteísmo, presenteísmo e afastamentos ocasionados por transtornos mentais (fatores que têm impacto no FAP – Fator Acidentário de Prevenção), contribuindo de forma efetiva e estratégica nos processos de gestão de pessoas.

Para mais informações entre em contato, será um prazer atendê-lo:
Fone (47) 9618-7054/ E-mail: cv.avalpsi@gmail.com ou pelo site: www.creapsi.com.br

Verifique isso

fitness center

Fitness Center

O Brasil é 2ª maior potência no mundo do fitness, existem hoje cerca de 160 …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *